18/08/2009


Abri meu cantinho do peito de mãe,
fui sincera amiga e até lutei por você,
mas me apedrejaste
quando conheceu
meu lado felina, meu lado mulher
sinto muito menina,
eu sou antes de tudo
a mãe da esquina
tenho que conquistar o mundo
mas estou aqui se quiser...

Lara

3 comentários:

C. Dorothy disse...

Não importa de onde venham
as mães. Importa sim até onde elas vão na luta por seus filhos!
E voce sabe tão bem
ser mãe como ninguem !!!
Eu te amo!

Almeida Lucius ™/ Ulisses Reis ® disse...

Adorei isso, muito bom, a figura de linguagem fantastica, mil beijos !!

Luis Nantes® disse...

Caracas!! Que bakana seu blog, ok? Maravilhoso...